A Influência da Aplicação dos Mecanismos e Instrumentos de Auditoria nos Resultados da Cooperativa de Crédito de uma Instituição Federal de Ensino Tecnológico – CEFET-PB

Marcos Igor da Costa Santos

Abstract


O contexto de concorrência que permeia o mundo das organizações vem exigindo mudanças em seus processos de trabalho administrativo, principalmente, em relação ao planejamento e controle das operações econômico-financeiras, de forma que os padrões de eficiência e eficácia garantam a sobrevivência organizacional. Nesse sentido, a auditoria tem sido apontada como uma estratégia que, associada ao avanço tecnológico, viabiliza o planejamento e o desenvolvimento de atividades contábeis de acordo com as necessidades do mercado. O presente estudo teve como objetivo geral verificar a influência da auditoria, através da aplicação dos mecanismos e instrumentos, nos resultados da cooperativa de crédito de uma Instituição Federal de Ensino Tecnológico – CEFET-PB e como objetivos específicos: levantar os órgãos que auditam a cooperativa estudada; relacionar as áreas auditadas de acordo com os com os órgãos de fiscalização; verificar a freqüência e periodicidade das auditorias; descrever os papéis exercidos pelos órgãos fiscalizadores nos resultados da cooperativa; verificar os instrumentos e mecanismos utilizados pela COOPERCRET; e identificar as razões e as vantagens para a utilização da auditoria interna e externa na cooperativa em estudo. A fundamentação teórica abordou aspectos relacionados com origem e evolução da auditoria, conceitos, formas, tipos e vantagens da aplicação dessa ferramenta. Como resultados foi possível verificar que os padrões de eficiência e eficácia das auditorias impostas a COOPERCRET permitem viabilizar e desenvolver as atividades de consumo, produção, crédito, prestação de serviços e comercialização, atuando no mercado e gerando benefícios para todos os que formam a cooperativa. Além disso, as exigências deste procedimento têm garantido a formação e capacitação dos seus integrantes para o trabalho e a vida em comunidade, tendo como filosofia a educação cooperativista e econômica dos seus associados, por meio da cooperação, da solidariedade humana, da confiança e da ajuda financeira mútuas, na economia sistemática e no uso adequado do crédito, procurando, ainda, por todos os meios, fomentar a expansão do cooperativismo.

Palavras-chave: Auditoria; Resultado; Cooperativa.

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


e-ISSN: 1984-3925

Licença Creative Commons
The JAMG adopts the Creative Commons license CC-BY-NC ND Creative Commons Attribution 4.0 

Indexing and Abstracting:

Logotipo SPELLLogotipo LATINDEX Logotipo OPENAIRE Logotipo DOAJLogotipo Cengage Logotipo EBSCOLogotipo REDIB Logotipo ESCI